Unimed Fortaleza suspende novas cirurgias devido a aumento de pacientes com suspeita de Covid-19

Alta demanda, "repentina", fez com que a Unimed encontrasse dificuldade em atender todos os pacientes.

Terça-feira, 152 pessoas com suspeita do novo coronavírus foram atendidas no hospital.

Devido a um aumento de pacientes procurando atendimento com sintomas suspeitos de Covid-19, o suspendeu, até o próximo domingo, 25, cirurgias eletivas. A medida preventiva foi confirmada pelo hospital e divulgada pelo presidente da unidade, Elias Leite na noite desta quarta-feira, 21. Leitos para atender os casos da doença foram ampliados.

Leite disse que a alta demanda, "repentina", fez com que a Unimed encontrasse dificuldade em atender todos os pacientes. Ontem, terça-feira, 152 pessoas com suspeita do novo coronavírus foram atendidas no hospital. Na segunda-feira, foram 162.

"A Unimed Fortaleza esclarece que as cirurgias eletivas não foram suspensas por tempo indeterminado e sim apenas dada uma pausa no agendamento de novos procedimentos cirúrgicos eletivos não essenciais ate domingo (25/10). Uma medida preventiva motivada pelo aumento da procura por atendimento nos hospitais. Cirurgias oncológicas, cardíacas, neurológicas e demais procedimentos que já estão agendados continuam mantidos", diz nota.

O POVO

Comentários

To be published, comments must be reviewed by the administrator *

Postagem Anterior Próxima Postagem