Praia de Canoa Quebrada registra movimentação intensa durante o fim de semana

De acordo com o 41º boletim epidemiológico da Sesa, o litoral Leste do Ceará, em que a praia está localizada, sustenta um número de reprodução efetivo de 1,0, maior do que a do Estado, que se encontra em 0,67

Escrito por Redação, 18:01 / 06 de Setembro de 2020. Atualizado às 18:46 / 06 de Setembro de 2020

Um dos pontos turísticos mais procurados do Ceará, a praia de Canoa Quebrada foi palco de uma série de desrespeitos às normas de segurança sanitárias impostas para conter o avanço da pandemia.

Na noite deste sábado (5) e domingo (6), foram flagradas aglomerações na orla e em outros pontos da região, como na Broadway, avenida que atrai diversos turistas para o local.

O grande número de visitantes na praia que fica no Litoral Leste causou espanto nos moradores da região. De acordo com relatos e registros enviados à reportagem, na noite de sábado (5), restaurantes, bares e ruas continham aglomerações; e a visível resistência dos turistas ao uso obrigatório de máscaras. 
"O que está acontecendo aqui é um absurdo. Estou apavorada, com medo do que vai acontecer", relata moradora da região, que não foi identificada. 

A reportagem apurou ainda que restaurantes apresentavam filas de espera na noite desse sábado (5). Hoje (6), foi registrado um intenso movimento em barracas de praia e, na orla, frequentadores estavam sem máscaras de proteção. 

De acordo com a Prefeitura de Aracati, desde a última terça-feira (1º), dia em que a região foi reaberta para turistas, há uma fiscalização diária que atua nas praias do município e na Avenida Broadway. 

Conforme o Órgão, pousadas, restaurantes, condutores de quadriciclos e buggys e artesãos devem obedecer a uma série de medidas protocoladas em um decreto emitido no último domingo (30), sobre a reabertura das atividades econômicas da região. 

A Instituição afirmou também que a fiscalização é realizada pela Vigilância Sanitária, Guarda Municipal e a Polícia Militar do Ceará (PMCE) durante os dias e as noites, principalmente neste feriado.

Toque de recolher

A prefeitura salientou o cumprimento das normas pelos comerciantes locais, porém afirmou que atitudes contrárias ao controle da pandemia são percebidas em turistas, que insistem em não usar máscaras de proteção ou realizam aglomerações.

Para deter o desrespeito às medidas de contenção do vírus, o Órgão informou que um toque de recolher foi imposto na região. Às 22h, os estabelecimentos comerciais são fechados, e turistas devem voltar para suas acomodações. 

Legenda: Região está com toque de recolher a partir das 22h

O Órgão afirmou ainda que uma equipe de saúde realizará orientações, hoje (5), sobre o uso de máscaras e a necessidade do distanciamento, medidas de combate à Covid-19. Hoje também será emitido um novo decreto que trará medidas um pouco mais rígidas sobre a reabertura local. 

Taxa de reprodução supera a do Estado

De acordo com o 41º boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa), a taxa de reprodução efetiva (Rt) do Litoral Leste/Jaguaribe e Sertão Central do Estado é de 1,0, ou seja, cada pessoa transmite para uma outra. 

Segundo o boletim, isso “pode significar manutenção das cadeias de transmissão e consequente continuação da epidemia”, enfatiza o documento disponibilizado pela Sesa na última sexta-feira (4). Essa taxa é maior do que a registrada no Ceará, que no dia 29 de agosto chegou a 0,67. 

A cidade de Aracati, onde fica localizada a praia de Canoa Quebrada, contabiliza 1.550 casos confirmados do novo coronavírus e soma 51 vidas perdidas para a doença. A incidência do município chega a 2.079,2. Os números são da atualização das 12h06, deste domingo (6), da plataforma IntegraSUS, gerida pela Sesa.  

Diário do Nordeste

Comentários

To be published, comments must be reviewed by the administrator *

Postagem Anterior Próxima Postagem