Partidos no Ceará rompem com resoluções das executivas nacionais (por Eliomar de Lima)

PTB se alia com PT e PT se alia com PSDB, contrariando proibição dos dirigentes nacionais dos partidos17:27 | 13 de setembro de 2020

Enquanto o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, baixou resolução que o partido não poderia se coligar com a esquerda, em nenhum município, a direção nacional do PT determinou a impossibilidade de aliança com o PSDB e com o DEM.

No entanto, nada disso vale na República do Ceará, quando petistas se aliam a democratas e tucanos, além de petebistas se coligarem com petistas. Tudo isso sob as bençãos do governador Camilo Santana (PT).

Em Aracati, no Litoral Leste do Estado, o prefeito Bismarck Maia (PTB) manterá a petista Denise Menezes na vice, com apoio do arco do PDT, incluindo a liderança de Camilo Santana.

O "racha" no partido ocorre com o apoio do deputado federal José Airton Cirilo (PT-CE) à candidatura de Caetano Neto (PSB), com Luisa Feitosa (MDB) na vice. Ex-prefeito de Icapuí e filho de Aracati, José Airton é a maior liderança do PT na região.

Em Tauá e em Canindé, Camilo costura o apoio do PT ao DEM e ao PSDB. A pré-candidata à reeleição em Canindé, Rozário Ximenes (DEM), conta com o PT e o PSDB na convenção que ocorrerá na manhã desta segunda-feira (14), no centro de treinamento da Paróquia de São Francisco.

Em Tauá, a liderança de Domingos Filho perdeu o apoio do PT, que anunciou apoio ao prefeito Fred Rego (DEM), que deverá disputar a reeleição, com a petista Socorro Almeida na vice.

Em Lavras da Mangabeira, no Centro-Sul do Ceará, 434 quilômetros de Fortaleza, Eunício Oliveira conseguiu o apoio de Camilo Santana à candidatura de Ildsser Lopes. O mesmo apoio, o PT tenta o MDB na coligação com a pré-candidatura de Luizianne Lins.

Enquanto isso, dentro da normalidade (ufa!), PL e DEM realizaram neste domingo a convenção que homologou a candidatura à reeleição de Acilon Gonçalves, que terá na vice Lucinha Feitosa, esposa do empresário Chiquinho Feitosa.

*Compilado do O POVO, por Eliomar de Lima*

Comentários

To be published, comments must be reviewed by the administrator *

Postagem Anterior Próxima Postagem