Post Top Ad

Covid-19 News

Post Top Ad

Filho de família humilde, nascido e criado na roça, o aracatiense Leôncio Lopes da Silva comemora hoje 107 anos. Por conta da pandemia do Covid-19, não haverá comemoração da data especial, que certamente será reverenciada pelos 10 filhos, 16 netos, 10 bisnetos e o futuro tataraneto, aguardado para nascer em agosto.

Ainda lúcido, mas já com dificuldades de locomoção, seu Leôncio é cuidado pela filha dona Maria Doracilde. Deitado em sua rede, o idoso gosta de contar com certa satisfação suas histórias de namoro. E neste quesito, o centenário homem faz inveja para muitos outros homens de idades menos avançada. Seu Leôncio foi casado com três mulheres e sua filha mais nova tem 27 anos.

História do Brasil e mundial – Seu Leôncio nasceu em 10 de junho de 1913 e passou um bom tempo dos seus 107 anos no Distrito do Cabreiro. Apaixonado por rádio, é ouvinte assíduo de programas noticiosos e vivencia à distância muitas das mudanças pelas quais o Brasil e o mundo passam.

Desde seu nascimento, o Brasil passou por 36 presidentes da República desde Hermes da Fonseca (1910-1914) e foi governado por duas juntas provisórias (1930 e 1969), além de possuir 8 Constituições diferentes.

Também pelo rádio, ouviu falar de oito censos populacionais e viu o Brasil saltar de 30 milhões de pessoas para mais de 210 milhões de habitantes. Ele ouvira ainda as histórias brasileira e mundial serem drasticamente modificadas e contadas, entre elas as mortes de Lampião e seu bando, Getúlio Vargas, a mudança da sede da capital federal para Brasília, a deposição de João Goulart, as ditaduras militares, além da Segunda Guerra Mundial de 1945.

O segredo para tanta longevidade está no jeito simples de ser e de viver do sertanejo, além do acolhimento da família e a vontade de continuar vivendo por mais alguns anos.

por
Folha de Aracati

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad