Três policiais são presos por extorquir de comerciante que consertava respiradores em Fortaleza

Policiais são suspeitos de extorquir de homem que fazia manutenção de respiradores, equipamento que é essencial durante a pandemia de coronavírus

Três soldados da Polícia Militar do Ceará (PMCE) foram presos na tarde desta sexta-feira (15). A suspeita é que o trio extorquiu de um comerciante que consertava respiradores mecânicos no Bairro Pirambu, periferia de Fortaleza.

De acordo com nota da PMCE, os policiais envolvidos foram autuados em flagrante e estão recolhidos no Presídio Militar. O G1 apurou que os militares já teriam extorquido R$ 6 mil do comerciante e exigiram uma quantia ainda maior em troca de não revelar possíveis práticas ilícitas do comerciante.

Durante a pandemia de coronavírus, os respiradores mecânicos se tornaram uma mercadoria disputadas pelas unidades de saúde. O equipamento ajuda na respiração de pacientes que estão com os pulmões comprometidos devido à Covid-19. No Ceará, segundo estado mais afetado pela pandemia, o equipamento é essencial para manter os pacientes vivos.

Processo administrativo

Os militares, que não tiveram os nomes divulgados, atuavam no 20º Batalhão (no Bairro Cristo Redentor). Após a detenção, os três foram levados para o Presídio Militar, no 5º Batalhão, no centro da capital cearense. Além do procedimento criminal, os PMs também devem responder a processo administrativo.

A Polícia Militar informou que "não compactua com qualquer ação policial que viole a lei. Atos que vão de encontro à conduta policial são repudiados e devidamente apurados por esta Corporação, ocasião em que é preservada a garantia do contraditório e ampla defesa".

G1.CE

Fotos extras recebidas pelo Aracati em Foco








Comentários

To be published, comments must be reviewed by the administrator *

Postagem Anterior Próxima Postagem