Ceará já tem transmissão comunitária de coronavírus, diz secretário da Saúde

Estado tem 55 casos confirmados de Covid-19
O Ceará já registra transmissão comunitária da covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. A informação foi confirmada pelo secretário de Saúde, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho, o Dr. Cabeto, em pronunciamento online na tarde desta sexta-feira (20). Nesse caso, a transmissão do vírus é feita por fontes não identificadas e que não estiveram no exterior, ou seja, tem origem desconhecida. Até as 14h30, o Estado contabiliza 55 casos confirmados.

"Isso faz mudar as estratégias. Pessoas que têm formas leves da doença, se não estiverem no grupo de maior risco, não precisam procurar as unidades de saúde. É mais importante, do ponto de vista epidemiológico, mapear os casos graves para nos anteciparmos e eles terem melhor evolução", explica o secretário. 

No grupo de maior vulnerabilidade, estão idosos acima de 80 anos, imunossuprimidos, pessoas em tratamento de câncer, diabéticos e pessoas com problemas cardiorrespiratórios. Caso apresentem sintomas, a recomendação é que sejam procuradas as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Fortaleza e os hospitais regionais, no Interior do Estado.

Por enquanto, a recomendação é que os cearenses permaneçam em isolamento social por 10 dias. Segundo o Dr. Cabeto, o período pode ser prorrogado, mas a medida depende da análise do cenário futuro de contaminação do Estado.

"Precisamos de tranquilidade. Estamos preparados para dizer a verdade, com toda a transparência, todos os resultados e estratégias. Não estamos subestimando a crise, mas é preciso ter serenidade", pontuou o secretário da Saúde.

Diário do Nordeste

Comentários

To be published, comments must be reviewed by the administrator *

Postagem Anterior Próxima Postagem