Caso suspeito de CORONAVÍRUS interdita UPA de Russas

A Unidade de Pronto Atendimento - UPA, de Russas, foi interditada na manhã desta terça-feira, 03, devido a um caso suspeito de CORONAVIRUS. Os pacientes que estavam a espera de atendimento tiveram que procurar uma outra unidade hospitalar.

De acordo com informações iniciais, um jovem de 21 anos, aluno da UFC - Campus de Russas,  deu entrada naquela unidade com suspeita da doença. O paciente que teve sua identidade preservada, está em sua residência sob os cuidados da vigilancia sanitária do município.

De acordo com o Secretário de Saúde, Gilberto Rodrigues, o estudante estava em sala de aula, quando apresentou os sintomas e deu entrada naquela unidade. "Ele teve contato com outros alunos da faculdade, nesta segunda e terça-feira" alertou Gilberto, sem esconder a preocupação.

Segundo informações, o suspeito esteve recentemente em viagem pela França. "Seus sintomas, somados ao seu roteiro de viagem levantou suspeitas dos nossos profissionais de saúde. Imediatamente, foram tomadas todas as providências necessárias para avaliar com mais precisão as suspeitas", destacou o secretário. 

A UPA passou na tarde desta terça-feira, 3, por um procedimento de desinfecção. Todos os funcionários estão usando máscaras.

As autoridades do municipio já informaram o caso a Secretaria de Saúde do Estado do Ceará e todo procedimento padrão está sendo adotado.

A Secretaria de Saúde local informou que irá divulgar uma nota oficial sobre o caso.

 Fonte Imprensa do Vale

Imagem: Ascom/PMR

Comentários

To be published, comments must be reviewed by the administrator *

Postagem Anterior Próxima Postagem