Petrobras eleva diesel em 3,75% e gasolina em 4% nas refinarias



Publicidade
Por Rafael Rosas | Valor
Rio - A Petrobras anunciou, nesta quarta-feira (31), que vai elevar, a partir desta quinta (1º de agosto), em 3,75% o preço
do diesel e em 4% o preço da gasolina nas refinarias. Com isso, o preço médio do litro diesel sofrerá uma elevação de R$ 0,0757 passando de R$ 2,0205 para R$ 2,0962. Já o preço da gasolina subirá R$ 0,0658, com o litro passando, na média, de R$ 1,6457 para R$ 1,7115.

As informações constam em site da empresa, no qual a petroleira detalha preços praticados nos 37 pontos de suprimento do mercado brasileiro, para a gasolina, o diesel S10 e o diesel S500.

Antes do reajuste anunciado hoje, a mais recente alteração havia sido anunciada pela estatal no dia 18 de julho, quando informou a redução, válida a partir do dia 19, de 2,14% no preço médio do litro da gasolina vendida nas refinarias e de 2,15% no preço médio do diesel. Em 1º de julho, a companhia informou nova revisão na periodicidade de reajustes nos preços dos combustíveis, que passarão a ser realizados sem periodicidade definida.

Há quase dois meses, a empresa já tinha anunciado mudanças, novamente, em seu formato de divulgação de reajustes nos preços de gasolina e diesel. Em meio à retomada do debate nacional sobre os preços praticados pela estatal, frente às ameaças de uma nova greve dos caminhoneiros, a estatal passou a divulgar em seu site preços praticados pela empresa, à vista, nos 37 pontos de suprimento do mercado brasileiro.

Desde a adoção de novo formato na política de ajuste de preços em 2017, a gasolina acumula alta de 30,82% de preço, nas refinarias. Já o diesel acumula aumento de 54,52%.

(Rafael Rosas | Valor) Publicidade