Senado aprova projeto que aumenta a pena para maus-tratos de animais



Publicidade
O Senado aprovou na última terça-feira (11), em regime de urgência, o projeto que estabelece como pena de maus-
tratos de animais a detenção de 1 a 4 anos.

A medida também determina multa de até 1.000 salários mínimos para estabelecimentos comerciais que diretamente, por omissão ou negligência, maltratem ou abusem de animais, Com a inclusão de emendas, o projeto volta à Câmara para nova análise.

O projeto foi relatado pela líder do MDB no Senado, Simone Tebet. Segundo a senadora, a punição não abrange manifestações culturais, como a vaquejada.

“Nós estamos entregando um projeto que diz que o direito à vida é inviolável“, afirmou a emedebista.

Apresentada pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), a matéria ganhou força após 1 episódio em que 1 segurança do supermercado Carrefour, em Osasco (SP), foi acusado de matar 1 cachorro que estava em frente ao estabelecimento. O caso viralizou nas redes sociais  O senador Randolfe explicou que o projeto não tem relação com o abate de animais para a indústria alimentícia.

Agências de notícias
Compilado do Grupo AracatiPolicia24hs Publicidade